“CALMA, QUE ELE VAI ESTAR LÁ!”

O que resta a Wenger?



   Chegamos a uma altura adiantada da época e volta a surgir a hipótese de esta ser a última temporada à frente do Arsenal por parte de Wenger pois volta a estar afastado dos títulos.
   O Arsenal deve muito a Wenger uma vez que ele ganhou bastantes títulos à frente do clube e apostou de forma certeira em muitos jovens que ajudaram o clube em muitos jogos e renderam muito dinheiro aos cofres do clube.
   O Arsenal já não ganha a Liga Inglesa desde 2003/2004 o que é impensável para um clube com a sua dimensão e apesar dos adeptos terem sido muitos pacientes, o fim da linha parece próximo para Wenger.
   Nomes como Van Persie e Fábregas tiveram que sair do Arsenal para conseguirem vencer a Liga Inglesa.
   O caso mais flagrante que algo se passa no Arsenal de Wenger foi a temporada passada em que o Arsenal não conseguiu aproveitar a má temporada dos que costumam ser seus rivais na luta pelo título e não foi além de um segundo lugar ficando atrás de um surpreendente Leicester que costuma estar na luta pela manutenção.
   Mesmo na sua forma de joga, o Arsenal atual já não parece o mesmo dos tempos áureos de Wenger em que a equipa dominava os jogos e conseguia superar-se com facilidade em relação aos seus adversários algo que não acontece no Arsenal atual.
   No final da temporada, a direcção do Arsenal deve-se reunir com Wenger e perceber o que se passa e se é possível regressar aos títulos com ele no comando ou se chegou a altura de ser substituído no comando técnico.
   É frustrante ver Alexis Sanchez sozinho e entristecido após o clube ter perdido de forma humilhante contra o Bayern de Munique e ter hipotecado a passagem à fase seguinte da Liga dos Campeões.

Comentários