“CALMA, QUE ELE VAI ESTAR LÁ!”

De um grande Português para a segunda Inglesa.

     Nuno Espirito Santo foi apresentado pelo Wolves como o seu mais recente treinador de futebol.
    Esta noticia deixa me um pouco espantado pois em menos de um ano Nuno passa de disputar a Liga dos Campeões e de lutar pelo titulo de campeão da Liga Portuguesa com o Porto para ir treinar um clube que ficou em 15º na Segunda Liga Inglesa.
  Se é certo que a temporada no Porto não correu conforme o esperado e que seria normal o despedimento por parte do presidente também é estranho que Nuno não tenha recebido um convite mais aliciante.
    Tudo fica mais claro quando vemos que Jorge Mendes tem relações privilegiadas com o Presidente do Wolves e que Nuno é agenciado por Jorge Mendes.
Se repararmos bem no percurso de Nuno, ele tem treinado clubes que têm uma relação direta com Jorge Mendes, o caso mais claro é o Valência onde Jorge Mendes ajudou na compra do clube por parte de um consorcio chinês.
   Em Inglaterra, país do novo clube de Nuno, afirma-se que o treinador só foi contratado pelo Wolves pelas ligações que tem a Jorge Mendes e que papel que Jorge terá nas contratações do clube.
Nuno tem de conseguir provar que é ele quem vai decidir juntamente com a direção que jogadores devem continuar no plantel e que jogadores devem ser contratados para melhor o plantel e fazer uma melhor época deixando de lado Jorge Mendes neste processo só recorrendo ao empresário se for certo que o jogador que ele representa irá melhorar o plantel.

    Este é o desafio que Nuno tem pela frente mostrar que não foi para o Wolves por causa da ligação de Jorge Mendes ao dono do clube e mostrar que consegue montar uma equipa competitiva graças ao seu staff de scouting.

Comentários