“CALMA, QUE ELE VAI ESTAR LÁ!”

Isco chegou a outro patamar com Zidane.


Zidane chegou ao Real Madrid na época 2015/2016 e a escolha de Florentino para suceder a Benitez acabou por revelar acertada para o Real Madrid.
Os jogadores que mais ficaram a ganhar com esta opção foram Casemiro e Isco, o primeiro porque passou a ser titular quando antes o Real jogava num sistema tático que não continha médio defensivo, o segundo porque passou de ser segunda opção e de poder sair do clube para passar a ser titular e a ser determinante no que Zidane pretende da equipa.
Isco é no momento um dos melhores médios ofensivos do Mundo graças à forma de jogar do Real Madrid que lhe dá liberdade para ele fazer o que faz melhor, que é levar a bola em progressão para o ataque permitindo aos avançados do Real Madrid serem mais decisivos do que se precisassem de vir buscar jogo mais atrás.
Com Isco a ter liberdade para ter a bola em sua posse por vários metros os adversários ficam sempre na dúvida se ele vai desmarcar um dos seus colegas ou se vai assumir ele próprio o remate.
Também no processo defensivo Isco ficou mais completo pois Zidane obriga Isco a ser a primeira linha de pressão do meio campo com muita vezes a ter de pressionar alto para tentar fazer a recuperação o mais perto possível da baliza adversária e esta pressão tem que ser feita com garra para conseguir que isso aconteça algo a que Isco não estava habituado pois antes a função dele era apenas ser o criativo da equipa.
Com Zidane Isco tornou-se um dos médios mais completos do Mundo e dos jogadores que eu mais gosto de ver jogar futebol.

A forma de Isco valeu-lhe uma renovação de contrato por parte do Real Madrid.

Comentários